Conte Sua História de São Paulo 468 anos: a travessia do pontilhão do Tietê

Por Wanderley Midei

Ouvinte da CBN

Acervo Coleção de Tony Belviso, livro Mercado Municipal de São Paulo, 70 anos de Cultura e Sabor. Abooks Editora. Foto Carlheinz Hahmnn

Nasci no Canindé, em 1943. Vivi até a minha juventude lá. Em 1961, me tornei jornalista e continuo escrevendo para o Facebook, mesmo acometido de cegueira por glaucoma.


Quando eu era criança me divertia correndo na avenida Cruzeiro do Sul ao lado do trem puxado pela Maria Fumaça, da ferrovia Cantareira. Achava engraçado as mulheres correrem para tirar as roupas que estavam quarando nas pedras da ferrovia, tentando evitar que queimassem com as fagulhas soltadas. 


Nessa época, o trem atravessava o rio Tietê por um pontilhão: a Ponte Pequena.  A ponte grande era mais próximo da Voluntários da Pátria. Às vezes, andávamos em um grupo de menino sobre os dormentes do trilho para chegar ao lixão da Vila Guilherme, onde hoje tem o Shopping Center Norte.

Muitos amigos tiveram de se jogar no rio, porque o trem estava chegando e não havia tempo para o retorno.


Quando fui suspenso no primeiro ano do ginásio, na Frei Paulo Luig, não contei nada em casa. Toda manhã pegava minha mala de couro, caderno, estojo e o livro escolar e saía como se fosse para a escola. Eu ia para a beira do rio Tiete. 


Naquela época, a Portuguesa não existia, era o São Paulo. Haviam lagoas nas proximidades, então eu ficava vendo os pescadores que tinham cruzado a noite pescando. Um dia, um dos pescadores, amigo do meu pai, contou minha traquinagem para ele. Foi a única surra que tomei na vida. E serviu a lição. Não que eu não tenha mais sido suspenso da escola outras vezes. mas sempre que fui contei tudo para ele. Foi melhor assim.

Wanderley Midei é personagem do Conte Sua História de São Paulo. A sonorização é do Cláudio Antonio. Você ainda pode participar das comemorações dos 468 anos da nossa cidade. Envie seu texto para contesuahistoria@cbn.com.br. Para ouvir outros capítulos, visite o meu blog miltonjung.com.br ou o podcast do Conte Sua História de São Paulo.