Sua Marca: “…longe delas há um sentimento de desterro”

 

“As marcas que entram nas nossa vidas falam para nós mesmos quem nós somos, longe delas há um certo sentimento de desterro” — Jaime Troiano

Lilian Calabria, ouvinte da CBN, relatou sua experiência no exterior em busca de marcas e produtos que tinham significado para ela no Brasil e inspirou nossa conversa no Sua Marca Vai Ser Um Sucesso. Jaime Troiano e Cecília Russo também viveram algum tempo nos Estados Unidos e compartilhavam do mesmo sentimento de vazio quando deparavam com a ausência de produtos —- especialmente alimentos —- que consumiam no Brasil.

“Era um sentimento de vazio. É a questão de olhar para uma gôndola de supermercado e se sentir um estrangeiro: eu não sou daqui”, disse Jaime.

Além disso, há uma “pitada de nostalgia” que as marcas podem proporcionar nos consumidores. Cecília Russo lembra da falta que fizeram jabuticaba e manga, comuns no mercado brasileiro; ou produtos que vêm agregados à marca como Requeijão Poços de Caldas, Biscoito Globo e  chocolates Sonho de Valsa, apenas para citar alguns que fazem parte da memória do brasileiro.

“Mostra um sentimento de nostalgia, mas é uma memória. E marcas que são relevantes para nós geram essa memória”, diz Cecília Russo 

Se geram saudade, nostalgia ou aguçam a memória é sinal de que se tornam em oportunidade de negócio, por isso, empreendedores que moram no exterior podem investir em lojas de varejo importando produtos brasileiros —- algo que já é possível de encontrar em várias cidades de outros países, especialmente onde há maior presença de brasileiros ou hispânicos.

O Sua Marca Vai Ser Um Sucesso vai ao ar aos sábados, às 7h55 da manhã, no Jornal da CBN. O programa pode ser ouvido também em podcast.

Mundo Corporativo: Sílvia Freitas, do Berlitz, traz dicas para quem quer trabalhar no exterior

 

 

“Conhecer a si próprio, conhecer o outro, não importa se você está no Brasil interagindo globalmente ou você está assumindo uma posição global ou em outro país, você precisa de fato saber da cultura do país que você está interagindo”. A dica é de Sílvia Freitas, diretora de relações corporativas do Berlitz Brasil, ao se referir a forma como os profissionais devem se preparar para aproveitar oportunidades de trabalho no exterior. Em entrevista ao jornalista Mílton Jung, da rádio CBN, Freitas defende a ideia de que “a pessoa tem de entender a outra cultura e como eles se relacionam para que o negócio de certo”

 

O Mundo Corporativo é gravado às quartas-feiras, 11 horas, e pode ser assistido no site e na página da CBN no Facebook. O programa vai ao ar aos sábados, no Jornal da CBN, ou aos domingos, às 11 da noite, em horário alternativo. Colaboraram com o Mundo Corporativo Juliana Causin, Rafael Furugen e Débora Gonçalves.

Mundo Corporativo: Marcela Lima, da Hult, fala do ensino no exterior e o impacto na sua carreira

 

 

Ter um MBA no exterior pode ser um grande diferencial para quem está disputando vaga no mercado de trabalho, além de abrir oportunidades de emprego lá fora. Por isso, o Mundo Corporativo foi saber qual a estratégia que você deve usar para planejar seu curso fora do Brasil e o quanto isso pode impactar no desenvolvimento da sua carreira. Nossa entrevistada, é Marcela Lima, da Hult International Businesse School: “eu acho que o brasileiro também busca muito esta interação com outras nacionalidades, então é importante dentro da carreira a pessoa ter sempre em mente que ela vai ter uma interação global porque não tem como fazer negócios com um único país”

 

O Mundo Corporativo vai ao ar às quartas-feiras, 11 horas, no site cbn.com.br. O quadro é reproduzido aos sábados, a partir das 11 horas, no Jornal da CBN, e tem a colaboração de Paulo Rodolfo, Douglas Matos e Débora Gonçalves

Mundo Corporativo: Regina Assumpção fala de choque cultural

 

 

Sabe aquela sensação de peixe fora d’água? É como muitos brasileiros se sentem quando vão trabalhar no exterior ou quando os estrangeiros se mudam para o Brasil. Há enormes diferenças culturais que prejudicam este processo de adaptação e precisam ser trabalhadas para evitar prejuízos na produtividade e na saúde do funcionário. De acordo com a consultora Regina Assumpção, da Shagal – consultoria em comunicação e diversidade cultural -, pesquisas internacionais mostram que os três maiores desafios para trabalhadores que enfrentam essa situação são clima, comida e idioma. Nesta entrevista ao jornalista Mílton Jung, no Mundo Corporativo da rádio CBN, Regina conta casos reais de estrangeiros que vieram para o Brasil e brasileiros que tiveram de encarar novos hábitos lá fora. E apresenta caminhos para que estas mudanças sejam bem assimiladas pelo empresa e pelo empregado.

 

O Mundo Corporativo vai ao ar às quartas-feiras, 11 horas, só no site da rádio CBN, com participação dos ouvintes-internautas pelo e-mail mundocorporativo@cbn.com.br e pelo Twitter @jornaldacbn e @miltonjung (#MundoCorpCBN). O programa é reproduzido aos sábados, no Jornal da CBN.