Twittada do dia: Lina fala de Dilma

 

Ruy Rebello, é jornalista e editor, trabalhei na TV Cultura com ele por anos, e sempre que eu chegava com a declaração de alguma autoridade, costumava questionar: ele falou ou foi perguntado? Isto pode fazer uma bruta diferença, no mínimo em relação a intenção do entrevistado.

Lembrei desta lição duas vezes nesta terça-feira. A primeira quando ouvia Lina Vieira, a ex-Leoa da Receita Federal, explicar a declaração que fez ao jornal Folha de SP sobre a suposta reunião com a ministra Dilma Roussef. No caso, foi perguntada. Muda alguma coisa ? Pode mudar, sim. Mas não é definitivo, mesmo porque no jogo político, as informações muitas vezes são vazadas pela própria fonte, através de terceiros, para que a fonte seja procurada e confirme a notícia.

Lembrei, também, da lição Rebelo quando no fim do dia senti falta pelo menos entre aqueles que acompanho no Twitter de comentários sobre o depoimento de Lina Vieira no Senado. Como não haviam “falado” decidi colocados na posição de “perguntado” e chegou uma enxurrada de opiniões.

Faço aqui, na Twittada do Dia, um resumo do que foi dito:

wviveiro O depoimento de Lina foi convincente. Lamentável foi a postura da tropa de choque que tentou desestabilizá-la no grito.

DrikaFranco Milton, ouvi uma parte do depoimento. Na minha opinião o encontro com a ministra aconteceu sem dúvida.

mbserel A sensação de tranqüilidade X vontade de achar pelo em ovo.Uns pra afogar Dilma, outros para salva-la demais. Nosso Senado!

heliopazconcordo @msoares @miltonjung -ela entrou de gaiata em briga de cachorro grande.

dkamioka @miltonjung Eu escutei o depoimento da Lina, e achei que ela tá com medo de alguma coisa agora… só não sei direito do que.

msoares@miltonjung achei que ela ficou meio acuada, mas sincera, no meio da cobralhada. Achei que ela entrou de gaiata em briga de cachorro grande.

monstrorio@miltonjung De musas de escândalos, ainda prefiro, de longe, a Tereza Collor. E de musa das CPIs, Camilla Amaral ganha com folga.

CRenatoOnofre @miltonjung Eu ouvi. Ela foi segura, porém não apresentou evidências…. a Dilma não está tão segura assim e tb não apresentou evidências…

monstrorio@miltonjung Autêntica socialite, vestido vermelho, óculos fashion, maquiagem pesada. Fez uma baita propaganda pessoal. E depois decepcionou.

Taipas @miltonjung Mas afinal de contas o que é mais importante para a oposição.O suposto influenciamento ou o encontro delas(apenas para tricotar)

ricardopsilva@miltonjung Eu ouvi o depoimento dela equanto dirigia para o trabalho. Pela entonação da voz acredito que ela está dizendo a verdade.

RickMartins72@miltonjung depoimento coerente e claro mas com direito a palhaçada dos senadores da bancada do governo. Patético e deprimente e esperado.

welsonmario@miltonjung: Eu achei a Lina política, não desagradou ninguém,
YaraGrottera@miltonjung Em nenhum momento exagerou, titubeou. Deixou claro o pouco que a ministra disse, mas também achou estranho que o tivesse feito.

denisgavazzi@miltonjung Eu ouvi na CBN enquanto vinha para a ESPN. Fiquei sem reação de ver o quanto nossa politica é nojenta. Só importa o jogo.

AntonioBicarato@miltonjung achei que no final ficou uma sensação de que ela perdeu uma chance de ficar calada na entrevista à folha