Destaques Brasil primavera-verão 2013

 

Por Dora Estevam

 

Lançamentos que agitaram a semana dos lojistas. O varejo agradece. Foram muitas as marcas que rechearam as araras com as novas peças. E tem muita roupa bonita.

 

A moda está bem divertida: metálicos, franjas, cores vibrantes como os fluors, sandálias de tiras, super femininas, estampas (aliás, força total para os famosos conjuntinhos) e muito brilho; estampas étnicas e geométricas, sem contar as rendas e o couro.

 

Como eu gosto de dividir com você as novidades da moda, separei alguns vídeos de marcas bem legais que nesta semana fizeram eventos e desfiles para avisar as clientes que o novo já chegou. Varejo, e-commerce e atacado, todos abastecidos para atender a demanda desta temporada.

 

Vamos começar com a marca fast fashion Pop Up Store, da Fabiana Justus, apostou nos metálicos, tricôts, néons e nas franjas para a nova estação. Confira no vídeo gravado com exclusividade pela e-commerce OQVestir, no evento Fashion Day In, empresa virtual que agrega várias marcas nacionais. O desfile foi transmitido simultaneamente para a loja do Shopping Market Place, em SP. Confira!

 

 

A marca sofisticada Daslu apresentou o desfile num cenário primaveril, flores e mais flores alegraram o ambiente. Convidadas ricas e bonitas, o público perfeito para consumir a marca. Destaque para os conjuntos estampados e para os fluors. Veja o desfile de apresentação da grife, que também apostou na transmissão simultânea direto do Shopping Cidade Jardim para o novíssimo JK, SP. Play!

 

 

A estilista Adriana Barra também lançou o verão 2013 no mercado, em grande estilo. As estampas exclusivas são meticulosamente escolhidas pela estilista, ela coloca a peça no corpo para dizer exatamente onde cada estampa deve ficar. Este foi um making off da campanha dela que separei para você. Veja!

 

 

Se o varejo conseguiu abastecer as araras para receber o verão, apostando nas grandes vendas e demandas, o atacado também (além de entregar no prazo) já abasteceu os showroons com estoques para a reposição das lojas. É o caso das marcas que atuam no Itaim, bairro conhecido por confecções e atacadistas em SP. A Seventy Nine, marca para mulheres maduras, tem grades de numeração e cores de lindas camisas e regatas de seda, vestidos e saias fluidas, ela apostou nas cores clássicas como o branco, marinho e preto, com pitadas de cores atuais como azul klein, terrosos e estampas étnicas.

 

 

A Nem (também para mulheres clássicas e contemporâneas) apostou nos fluors verde e amarelo, nos terrosos, estampas em animal print e nos brilhos para a noite. Veja na entrevista que fiz com uma das proprietárias da marca a empresária Eloísa Pêra.

 

 

Neste post eu coloquei algumas marcas que particularmente tenho gostado de ver as novidades e acompanhar a movimentação. São marcas relativamente básicas e fáceis de encontrar em lojas paulistanas. Espero que tenham gostado das marcas.

 


Dora Estevam é jornalista e escreve sobre moda e estilo de vida no Blog do Mílton Jung, aos sábados

Moda primavera/verão 2013

 

Por Dora Estevam

 

Primavera-verão chegando, as liquidações na reta final e as araras dão espaço para as novas peças. Sai o cisudo do inverno e entra o alegre e colorido verão. Nas lojas com as coleções expostas a conversa gira em torno das novidades. O colorido é unânime, todas as marcas apostam nas cores que prometem levantar a pessoa, rejuvenecer, dar aquele ar saudável e moderno.

 

Enquanto as lojas não complementam as araras, eu vou colocar por aqui algumas referências, estrangeiras, para você ir saboreando o que vem por aí. Tanto para o feminino, quanto para o masculino, a ideia de colorir as peças, persiste.

 

Por mais que você seja um básico, clássico e não troque as cores do seu armário, um certo verão, bem quente, em um lugar paradisíaco, vai pedir um coloridinho, e você vai amar.

 

Vamos assistir ao desfile da marca Ermenegildo Zegna, a coleção que será exibida é a de verão, e no filme um pouco do back stage, com imagens do camarim e sala de make.

 

 

Até que aqui no Zegna tem muitas peças básicas, não é? Vamos dar uma espiada no desfile da Gucci’13, você vai ver que eles usaram em todos os modelos, costumes, paletós, camisas e calças, uma paleta de cores incríveis. Vem ver.

 

 

Que tal um pouco de ousadia e emoção? Aperte o play e assista ao desfile da coleção primavera-verão da Versace.

 

 

E aí meninos, gostaram das ideias? Eu não sei o que vocês acharam, vão me dizer ai embaixo nos comentários, mas eu reparei muito na alfaitaria (impecáveis), nas bermudas com paletós, nas capas que pareciam jalecos, e nos acessórios metalizados. Ah, gostei do play list, foram trocando as músicas durante o desfile, lindo!

 

Bravo!

 


Dora Estevam é jornalista e escreve de moda e estilo de vida no Blog do Mílton Jung, aos sábados

É tendência que não acaba mais

 

Por Dora Estevam

Enquanto durarem Primavera e Verão, até 2012, você vai ver muito destas tendências nas vitrines. Cedo ou tarde. Cedo porque no Brasil está uma mania de lançar o Verão antecipado (2012 em 2011) e fazer liquidação antes de acabar o ano. E quando o ano começa, o cliente do varejo vai às lojas e já encontra roupa de Inverno. Aliás, nem deveria se chamar Verão 2012, no Brasil, e sim 2011. Foi apenas uma crítica, um desabafo.

Dito isso, prefiro acompanhar os desfiles internacionais – hoje podemos vê-los todos na internet – e acreditar no calendário deles. De todas as marcas quese apresentaram nos últimos meses, consegui separar com ajuda das agências de noticias de moda e revistas internacionais as peças que vão virar hit, ou mania, ou a expressão que você achar melhor para definir esta situação.

O discurso mais ouvido nos últimos tempos, tanto por editoras e consultoras brasileiras como as de fora, é que hoje em dia se usa de tudo, não tem mais aquela coisa definida de comprimento de saia, por exemplo. Usa-se de tudo. O que continua valendo é o bom senso de usar o que lhe cai bem, uma roupa com a qual você se identifica. É mais ou menos aquela coisa antiga de dizer que tal roupa tem a sua cara. É feio mais vale.

Então é assim: pode usar saia micro? Pode.
Pode usar saia longa? Pode.
Pode usar saia midi? Pode.
É por ai.
Bom, vamos às fotos:

Inspiradas em pin-up, água, impressões Africanas, tons pastel, descubra o seu estilo.

Aqui a inspiração no branco monocromático que vem com tudo para as próximas estações. A moda do branco se estende para outras áreas também: automobilística e decoração.

Lembra que falamos dos tons pastel? Rosa clarinho, verde água e azul bebê… para quem quer suavizar a energia dos blocos coloridos. Givenchy, Louis Vuitton e Balman usaram nas coleções.

E tendência minimalista? Lembra? Pois, também reapareceram nas coleções da Lanvin, Givenchy e Roberto Cavalli. Aquele estilo que tem base essencial de se vestir como os homens: tipo blazer-jaqueta nas composições. Como é Verão eles aparecem sem as mangas, sem os bolsos, mas com detalhes de costuras aparentes. Um olhar perfeito para a androginia.

Jaquetas, serão muitas, nos tecidos mais inusitados.
Notaram os tamanhos das saias?

O duo preto e branco também está de volta. Será uma ótima opção para a noite. É uma tendência unânime entre as marcas Christian Dior, Gucci e Stella McCartney. Sofisticação com descrição. Um contraste que será bem-vindo.

Bloguetes, eu adoraria ficar falando das outras tendências que são pelo menos mais 10, mas, ficará para a próxima. Aliás, nos últimos posts falamos das músicas badaladas nas passarelas e da maquiagem que será usada neste verão. Agora sãoas roupas. Tudo perfeito para você passar a Primavera e o Verão em alto estilo.

Aproveite este sábado!

Dora Estevam é jornalista e aos sábados escreve sobre moda e estilo de vida, no Blog do Mílton Jung

Pernocas de fora e colorido anunciam nova estação

 

Por Dora Estevam

Elas estão espalhadas em vitrines, lojas de ruas e shoppings. São as flores da primavera. Nas ruas, as meninas se entregam para os shorts, vestidos e saias.

E para completar o cardápio floral e colorido a semana esteve recheada de desfiles da NYFW (New York Fashion Week). Com todas as tendências e propostas para a primavera de 2012, acreditem. Um dos desfiles eu já mostro aqui para você sentir como eles vão trabalhar com as cores “color block e neutras”. Destaque para os cabelos tié die (duas cores) modelos. A sala estava cheia e com as presenças de Anna Dello Russo e Tommy Hilfinger, entre outros.

Os sapatos usados neste desfile dão da estilista Charlotte Olympia que, aliás, lançou o vídeo da campanha dela. Incrivelmente sensual e sinistro ao mesmo tempo. Vale a pena assistir, é uma forma diferente de ver o produto.

Aqui, um pouco da proposta da marca Calvin Klein para refrescar os olhos.

O bom destes desfiles é que podemos usar a criatividade e já por em prática tudo o que foi apresentado.

Para finalizar, o colunista do New York Times Eric Wilson faz um apanhado geral do que foi a semana, das tendências emergentes às entrevistas com os mais renomados editores e consultores de moda.

Estilo e moda é aqui.


Dora Estevam é jornalista e escreve sobre moda e estilo de vida, no Blog do Mílton Jung

Depois da primavera, o verão.

 

Por Abigail Costa

Primavera

Mulheres, está chegando a nossa hora. A alta temperatura é um convite à pele bronzeada, roupas mais justas e curtas. Sem culpa.

Por que tive que comer feito uma louca no inverno?

Daquelas noites regadas a vinho(s) tinto, com foundes…. restaram lembranças, quase todas numa espécie de cinturão emoldurando parte do quadril.

A propaganda da academia me oferece um desconto e promete me deixar com o corpo esculpido como o de uma menina de 20 e poucos anos. (o corpo juvenil é por minha conta).

Entro numa sala cheia de aparelhos, daqueles que só quem tem intimidade liga, coloca o banco na posição correta, ajeita o encosto, e desliga. Não basta ter coordenação motora, sinto a necessidade de um livro por perto.

Ela me chama a atenção. Sim, a menina de 20 e poucos anos estava se exercitando.

Minha nossa! O corpo é daqueles que TODA a mulher merece ter ainda que por pouco tempo. O rabo de cavalo preso no alto da cabeça acompanhava as passadas largas, passadas não, a guria desfilava.

Pra ela, nada de agasalhos pretos (tradicional malha dos fora de peso pra se auto-enganar e imaginar que nada está sobrando – todo mundo sabe que o pretinho é básico e disfarça sim os quilos a mais. Mas na sua cabeça disfarça?) A menina usava laranja e marrom, um conjunto estiloso. Desses agarrados que faz muitos marmanjos se perderem na contagem dos abdominais.

Olhei, analisei. Definitivamente, eu assim como ela em alguns meses ? É melhor não me enganar.

Aceito a sugestão de uma amiga.

“Tenho um personal trainer, vai te dar a maior força”.

Força. É disso que a gente precisa pra recomeçar.

Passadas as apresentações, medidas, (aí que vergonha! Cintura…cm/ coxa…cm/ braço…. Sabia que até isso engorda?). Os números? Bem, é melhor deixá-los de lado.

Estou lá, firme e forte. O dia mal começou e eu meio sem rumo de tanto baixa-levanta-solta-vira. Ainda bem que a coordenação é dele.

Hoje, amanhã, semana que vem…. E eu lá, firme e forte.

(A figura da moça não me sai da cabeça).

Um belo dia, depois de uma certa intimidade com o professor, entro no assunto… “Então, bonito o corpo dela, não? E que barriga é essa?”
Ele responde sem rodeios: – “Barriga de plástica”; – “Peito de prótese, de quem nunca amamentou”.

Não deveria. Sei que posso ser mal compreendida…. Mas confesso, não queria mais aquele corpo.

É ele quem agora fala – fala não, elogia.

Sabe que pela sua idade, pelos filhos, pelo sei-lá-mais-o-que (só gravei o que realmente me interessava) você está maravilhosa, e ainda vai melhorar mais!

Eu?

É. Você.

Dá pra duvidar de alguém que tenta te deixar em forma e consegue melhorar sua auto-estima?

Eu respondo: claro que não!

Em caso de dúvida, aqui vai a recomendação:

Contrate um personal trainer. De preferência jovem, bem disposto…. Hã ! cheio de músculos, também. No mínimo, faz bem para os olhos.

Em tempo: minhas medidas já são outras…

Abigail Costa é jornalista e volta a escrever no Blog do Mílton Jung, só estava precisando retornas às aulas de ginástica.

De estação

 


Por Maria Lucia Solla

O Vento vem agitado, gritando, assobiando um ritmo inquietante. Sem tentar interpretá-lo, percebo seu som e sua intensidade com meu corpo inteiro, o dia todo. Vento descabela, desarruma, desalinha, desarranja, destelha, desmantela, desatina, descalça. E a gente, faz o quê? Escancara-se e deixa que ele vire tudo de cabeça para baixo, fazendo arte, criancice, ou se fecha, se tranca, se esconde na saia da mesmice.

Independentemente da opção humana, o Vento chega trazendo a Primavera, como sempre fez. Cumprindo a missão sem fazer caso do papel, da escrivaninha desgarrado, no chão; sem se dar conta do desalinho que ficou para trás. Na mesa, na vida, no coração.

E ela vem entrando. Anunciada por ele, vai chegando linda, colorida, vestida de domingo. Primavera é Yin, feminina. Primavera traz novos e adormecidos amores, e põe em ebulição os humores.

No Tempo dela. É tempo de acordar a semente adormecida, e é tempo de plantar, de rasgar a terra e a fecundar, de novo e de novo. Ao menos, sempre que ela chegar. Ela é madeira, é a lenha do Verão. É nele que ela se inflama. No fogo dele. Na sua chama. É tempo bom para começos e recomeços; para se agarrar a mais uma chance de amar. É tempo de se cuidar, na hora de se alimentar. Acabado o Inverno, a lareira não precisa mais de tanta lenha; não há muito para esquentar. E, antes que eu me esqueça, especial atenção ao fígado, é muito bom oferecer. É tempo de limpar e não de empanturrar a víscera que gerencia nossas emoções viscerais. É tempo de acreditar em você, de olhos fechados e coração esbugalhado.

Seja muito bem-vinda, Primavera!

Maria Lucia Solla é terapeuta, professora de língua estrangeira e realiza curso de comunicação e expressão. Aos domingos, escreve no Blog do Mílton Jung