Quem diria, Andy Warhol acabou na internet !

 

Ele é do tempo da TV colorida

Ele é do tempo da TV colorida

Por Carlos Magno Gibrail

Armando Italo Nardi, Claudio Vieira e Alberto Beh Ribeiro, ouvintes-internautas CBN, e tantos outros mais que tem prestigiado o Blog do Mílton Jung, já podem se considerar exemplos que contestam a assertiva de Andy Warhol.

O artista americano, criador das bases da POP ART, célebre pelo trabalho com os símbolos do consumo como latas de sopa Campbell’s, garrafas de Coca Cola, fotos de Marilyn Monroe, prognosticou os 15 minutos de fama que todos teriam direito. Não mais que isso num mundo fugaz que se projetava.
Nardi, Vieira e Beto estão construindo gradativamente uma imagem através da internet, consistente e duradoura, num ritmo eletrônico. Como comentaristas de artigos publicados ou como protagonistas de blogs e ações políticas e sociais. Fato que se pode constatar de imediato clicando seus nomes nos sites de busca.

Tila Tequila, é uma celebridade estadunidense da Internet e da televisão. É modelo, atriz, cantora e compositora de ascendência vietnamita. Ela é conhecida por sua posição como a artista mais popular no MySpace (de acordo com “page views”) desde Abril de 2006 sendo atribuído títulos de “Miss Myspace” e “Queen of Myspace””.Wikipedia.

Tila explodiu como Andy Warhol previu na sua teoria dos 15 minutos de fama, mas não sumiu. Ficará para sempre na memória de fãs e de todo o mundo que clicar nos sites de busca. Capa de revista e notícias de jornais, mídias que na época da internet ficam registradas nos arquivos eletrônicos.

Raquel Pacheco, assinando como “Bruna Surfistinha”, ganhou notoriedade ao contar suas ações sexuais em um blog. Foi reportagem no New York Times e lançou o livro “O doce veneno do escorpião”. Teve o lampejo de celebridade mas sua história jamais morrerá para quem quiser conhecê-la. Está na internet.

Katilce Miranda, de Volta Redonda, cumpriu Wharol e foi beijada e beijou de verdade Bono Vox durante o show do U2 no Morumbi em São Paulo. O Orkut chegou a um pico de 900 acessos por minuto. Ela sumiu? Nem tanto, acesse o Google e veja que seu nome tem mais de 7000 ocorrências. E. é claro, fotos e fotos do beijo.

Marimoon apresenta o Scrap MTV desde 2008 e em seu site ela mesma se pergunta como chegou à TV: “é tudo culpa da internet! Primeiro, eu fiz parte do Vidalog (um programa tipo blog na TV), em 2006; fui capa da Capricho no mesmo ano. No ano seguinte, fiz campanha pra uma marca de calçados de plástico e, no fim de 2007, me chamaram pra fazer teste de VJ pra comandar o Scrap MTV, em 2008”.

A nutricionista Ruth Lemos bem que gostaria que sua fama gerada pelo “ponto eletrônico” gago fosse apenas de 15 minutos, ou que pelo menos não estivesse na internet.

Em Seoul, uma estudante não limpou a sujeira de seu cão no metrô, e irritada provocou a ira dos passageiros, que fotografaram e inseriram a cena na internet. O assunto correu por toda a Coréia e a “Dog Poop Girl” teve que sair da Universidade e seus minutos de fama ficaram eternizados por reportagens em todo o mundo.

Domingo, Carlos Eduardo da Silva, ombudsman da Folha de São Paulo dá o veredictum final, abrindo a sua coluna com o título: “Quem cai na rede nunca mais sai”. Uma leitora há nove anos, então com 18 anos, deu uma declaração ao ser entrevistada com outros participantes de um precursor dos reality shows. Hoje, nega a veracidade das suas palavras e informa que está sendo prejudicada. Ao clicar no Google o seu nome, aparece em segundo lugar a tal matéria. A solicitação da leitora é para que a reportagem seja retirada, ao que o jornal respondeu :“A Folha não pode retirar de seu arquivo eletrônico reportagens que foram publicadas na edição impressa”.

Eis aí uma questão a ser resolvida.

Enquanto isso vamos usufruir as possibilidades que a democracia da internet disponibilizam. Conhecimento e elegância podem traçar um perfil positivo de cada internauta, transformando-o em personalidade perene.

Carlos Magno Gibrail é doutor em marketing de moda, escreve às quartas no Blog do Mílton Jung e tem 62.500 citações no Google.

27 comentários sobre “Quem diria, Andy Warhol acabou na internet !

  1. No meu caso é um risco muito grande, pois as besteiras que escrevo podem correr o mundo.

    A oportunidade de poder ler os bons artigos e comentários deste Blog, nos da a chance de aprender/adquirir conhecimento, estudar e relembrar o que aprendemos. Comentar os artigos, na minha opinião, é uma forma de homenagear quem os escreveu.

    Carlos, a internet proporciona contato direto entre jornalistas, colunistas e seus admiradores. Para esses (através de comentários, críticas e elogios) deve ser confortante ter a prova de que o que escrevem, está sendo acompanhado. Existe um novo tipo de leitor/telespectador/ouvinte que ao mesmo tempo que da a sua opinião, espera ser correspondido. Ou seja, jornalistas e colunistas que não interagem com seus admiradores podem perder a fama. A época em que se jogava uma matéria ou artigo sem dar resposta a quem acompanha, está acabando.

    Em um evento jornalístico em Curitiba, o Jornalista Milton Jung disse dedicar próximo de duas horas por dia, respondendo e-mails de seus ouvintes. Vc e a maioria dos colunistas deste Blog, respondem a todos os comentários, sejam bons ou ruins. Que outros jornalistas de todas as mídias, sigam este exemplo. Quem não tiver tempo, os estagiários agradecem!

    Abraços e obrigado pela citação.

  2. Há um estudo de caso interessante. A rede americana de pizza Dominos depois de ter sua imagem prejudicada na internet com vídeo de funcionários azucrinando a comida na cozinha conseguiu reverter a situação. Desenvolveu técnicas de CEO e mudou sua posição nas ferramentas de busca da internet que antes ofereciam o vídeo mal-criado. O mesmo ainda está por lá, mas quando é feita busca no nome da empresa, já não é o mais destacado.

    A internet exige novos cuidados com a imagem e assim como facilita a divulgação da sua marca/nome também torna mais difícil reverter situação de prejuízo.

  3. Carlos

    Confesso que tinha total aversão por computadores, informática.
    Até que por necessidade profissional e com o passar dos anos também pessoal, caí na rede e na teia.
    Eis-me aqui.
    A teia da internet é infinita, sem limites.
    Pode proporcionar ao internauta muitos benefícios, porém se não tiver o devido cuidado, atenção, a internet pode também causar séríssimos danos.
    Ser perniciosa.
    Aos mais jovens aconselho, nunca jamais permitirem que seus dedos sejam mais rápidos que os seus cérebros no momento da digitação.
    O mesmo recomendo que jamais permitam que a lingua sejam mais rapidas que os cerebros também.
    Como ouvintes internautas, colaboradores do blog do Milton Jung, temos chance e aprendemos muito com os mestres e profissionais de jornalismo aqui presentes, articulistas, colegas de blog.
    Para nós ouvintes internautas e colaboradores é com imensa satisfação a nossa participação neste conceituado blog.
    Obrigado por mencionar o meu nome e participação Carlos

    Grande abraço
    Armando Italo

  4. Olá mestre, Carlos Magno!

    Me lembro do dia que escrevi assim do senhor por aqui. Desde lá ficou o "mestre" antes do seu nome. Coloquei dessa forma após ler alguns comentários -seus- aqui mesmo no Blog do Milton e por na maioria da vezes (99,9%) concordar com eles.
    Veja como o arquivo eletrônico está sendo formado.

    Me lembro que escrevi sobre alguns políticos serem analfabetos (funcionais) e improdutivos! (A Maria Lúcia Solla me apoiou de certa forma). Lembro-me que pedi para fechar o Congresso Nacional para balanço! Claro, causei o maior rebú por aqui! Expressei mal e fui imcompreendido pois a concepção de fechar para balanço referia-se ao ato de parar tudo e ver onde estávamos errando. A instituição estava sendo -como ainda é- mal vista pela população. Isso tem quase um ano!

    Está devidamente registrado, para sempre, aqui no Blog. Hoje me deparo com esse artigo e coloquei meu nome em sites de busca e realmente o senhor tem razão, mais uma vez!

    O Milton sempre diz: a memória digital estará eternizada! Concordo com vocês e tomára que subprefeitos, vereadores, prefeitos, governadores, deputados, senadores e o Presidente da República acreditem nisso! Será muito bom para a sobrevivência política deles! Estarei na cola!

    Para o meu égo, ver meu nome aparecendo em buscas da internet é muito legal mas espero mesmo que o nome do Adote um Vereador seja imortal entre a população, já que estará eternizado na web, pelo trabalho cidadão que nós -integrantes- propuzemos fazer!

    Trabalhos como o meu, do Ítalo e do Beto serem reconhecidos e citados por pessoas como o senhor não tem preço!
    Encoraja no meu caso seguir em frente, naquilo que o cidadão vislumbrou um dia e que hoje é uma realidade.
    Prova que tudo valeu a pena! Faría e farei sempre!

    Grande abraço!

  5. Beto, as mudanças estão aí. Algumas já chegaram e nem todos as percebem.
    No marketing de produtos a customização já é uma realidade.Viemos do artesanato, da massificação, da segmentação, dos nichos e estamos diante de uma crescente customização.É a volta ao passado usando os recursos tecnológicos atuais.
    No jornalismo a customização é a relação direta com o leitor consumidor.
    Não vejo com bons olhos os colunistas famosos que não colocam seus endereços de e-mails.
    O futuro dirá quem tem razão.

  6. Milton, analisando detidamente é mais um controle favorável ao bom comportamento.
    Aqueles que gostam de usar atitudes fora do padrão , excesso de linguagem, ataques pessoais, que se cuidem.
    De outro lado o grande problema é o anonimato, ou pior, do nome falso, ou piora ainda o uso indevido do uso do nome de outra pessoa.
    Sabemos que há possibilidades de controle. Falta normas e regras, que esperamos venham logo.

  7. Armando, os melhores produtos, os melhores alimentos, dependendo da quantidade podem atender necessidades, desejos, ao mesmo tempo que podem causar desconforto ou até mesmo matar.
    Paul Samuelsen, economista célebre, exemplifica que um copo dágua é bom, dois é excelente , mas se ingerirmos dezenas poderemos ter problemas sérios.
    Um par de sapatos é necessário, dois é melhor, três é muito bom, trezentos será inevitávelmente um grande problema. De escolha e de armazenamento.
    Portanto, como sabemos, a internet é como qualquer outro produto. Tem que ser usado apropriadamente, com conhecimento, dentro das normas técnicas e de civilidade, nos momentos adequados .

  8. Claudio Vieira, o Adote um Vereador, movimento idealizado pelo Milton Jung e protagonizado efetivamente por você entre uns poucos, é algo que deverá tornar-se um marco do jornalismo participativo moderno.
    Acredito que fronteiras municipais,estaduais e internacionais poderão absorver esta experiência de cidadania.
    Eis aí algo que a internet possibilita e que certamente não tem mais volta. Sorte dos cidadãos verdadeiros e azar dos politicos de oportunidade.

  9. Roberto Hideki Tatemoto, a questão é que a alegação da leitora alude a falsidade em sua fala. O que é dificil depois de tantos anos se testemunhar. O jornal nestes casos não retira, mas publica o desmentido ou a retificação.Como comprovar a veracidade ou a falsidade?
    Uma atenuante é que esta reação dela já está gravada. É uma demonstração que abranda certamente o prejuízo.

  10. Rafael Castellar das Neves, concordo plenamente. Pelo gênio criativo dele, se vivesse nesta época de hoje certamente estaria revolucionando mais ainda os meios de comunicação.
    Neste aspecto não dá para esquecer o Mac Luhan que anteveu uma revolução nos meios de comunicação, bem próximo do que vemos hoje.

  11. Carlos

    A internet é assunto sério

    Alguns exemplos somente da falta de cuidados e atenção quando entramos na rede.

    Recentemente uma advogada de uma imobiliária de Porto Alegre conseguiu ganhar uma causa na justiça contra um casal devedor de alugueis.
    O casal em sua defesa afirmava na justiça que não pagou os alugueis devido as, más condições financeiras em que se encontravam.
    A jovem advogada, experiente internauta de carteirinha, pesquisou na internet sites de relacionamento.
    Bingo!
    Em um destes sites de relacionamento constatou que o até então;casal em dificuldades financeiras; recentemente tinha realizado viagens para países da America do Sul como turistas, em cruzeiros, contavam suas vidas, postavam fotos no “bem bom”; etc.
    A Advogada então salvou os dados, encontrados no tal site de relacionamento, fotos, imagens, relatos, etc e anexou os dados, imagens colhidas nos sites de relacionamento nos autos do processo como provas de que o casal estava realmente mentindo para a justiça.
    E assim foram as provas apresentadas ao juiz.
    E diante das provas incontestáveis, cabais o pobre casal em dificuldades perdeu a causa e foi condenado a pagar os alugueis atrazados, com multas, juros e tiveram ainda que responder outros processos, artigos.
    O mesmo aconteceu com uma mãe, seus dois filhos maiores que passaram a ameaçar o pai e ex marido exigindo pensão alimenticia. alegando que estavam passando dificuldades financeiras devido a falta de pagamento da pensão alimenticia devida pelo pai idoso maior que sessenta anos que se encontravva desempregado e doente.
    O réu o pai então também experiente internauta juntamente com o seu advogado, provou na justiça também através de imagens, relatos, fotos tiradas de sites de relacionamentos que as três vitimas em até então com dificuldades financeiras viviam no regime de união estável, eram patrocinadas(os) pelos seus amados.moravem em apartamento de luxo, sustentados pelos avós, possuiam carro do ano, viajavam, etc.
    Para provar a existencia de união estável não é necessário que o casal residam no mesmo teto.
    Bastam provas somente.
    E a justiça deu ganho de causa em favor do pai que já nesta altura do campeonato ja estava doente física e mentalmente, devido ao stress que passou por causa das ameaças, extorsões, sofreu todo o tipo de pressão, humilhações feitas pela ex e pelos filhos de colocarem o pai na prisão caso não pagasse a pensão alimenticia estava doente, passando por necessidades financeiras.
    Casos como pessoas que compraram produtos via internet e tiveram seus dados pessoais, roubados, através de programas espiões, maliciosos instalados em seus pcs, hotkits, spywares, cavalos de troia, trojans, diversos tipos de virus e pragas invasoras enviadas e instaladas silenciosamente em computadores, por marginais a distância que invadiram os seus pcs.
    Aproveito aqui este espaço para dar algumas dicas aos incautos, os com pouca experiência em informática, iniciantes.
    Como também atuante na área de informatica por necessidade profissional, por opção, passei a estudar e me especializar em informatica, pois depois de uns tempos devido a vários problemas enfrentados com os meus pcs, cansei de ficar aguardando o tecnico e as suas vontades, Aconselho a instalação de antivirus, antispywares, para quem tem pcs em rede domestica ou comercial a aquisição de um bom roteador com firewal, ou um potente programa de firewal instalado desde que não seja da MS porque não presta para absolutamente nada.
    Esses programas podem ser encontrados na internet free “de gratis”
    Basta pesquisar.
    O melhor antivirus, é quem está na frente do teclado e do monitor, o usuário
    Cuidado ao navegarem em sites, blogs, home pages, portais que acessam.

    Abraços
    Armando Italo

  12. Vi matéria de carnaval que ainda insiste na fama dos 15 minutos.
    A Geisy da Uniban recebeu uma manchete em que dizia que lhe foi assegurada a vaga de celebridade instantânea.
    Ora, há 4 meses ela está na midia geral, TVs, jornais, revistas,sites, blogs e toda a intertenet social.
    Ficará registrada no meio eletrônico e nos exemplares destas revistas e jornais. Nos arquivos da escola de samba que desfilou.
    Quem é celebridade instantânea?

  13. Oi Carlos

    A vantagem de pilotar um “limitado e lento” monomotor, um TUPI, por exemplo, que atinge no máximo 110 nós em voo cruzeiro, face a sua “baixa velocidade e por voar em baixas altitudes” 7000 pés no maximo, permite a quem esta a bordo vislumbrar paisagens, cenas, etc.

    Quem “está com muita pressa”, sobre vários aspectos viaja, pilota um supersonico voando a mais de quinze quilometros de altitude, 50000 pés na velocidade mach 2.00, duas veses a velocidade do som.

    O mesmo acontece quem pilota um lento veleiro, tendo que realizar bordo e bordos para chegar no destino e quem pilota uma veloz lancha off shore com dois potentes motores e rabetas duo prop.

    Assim podemos utilizar a internet.
    Num TUPI ou Num Concorde?
    Num veleiro ou numa off shore?

    Grande abraço
    Armando Italo

  14. Armando Italo, o indicado é pilotar de acordo com o seu conhecimento e habilidade especifica. Não é verdade?
    Talvez por isso temos a informação de que a parte dos jovens estão preferindo a midia social da internet do que os blogs.
    Para os blogs temos uma maior exigência da lingua e de conhecimento. No twitter, no myspace, no facebook,etc é só escrever uma frase.

    • Carlos, este fenômeno para muitos sinalizaria o fim dos blogs. Primeiro, de atestado de óbito as boas mídias estão cheias, haja vista o rádio. Entendo que a juventude que hoje dá preferências aos comunicados velozes e curtos logo terão conteúdo para falar além dos 140 caracteres, portanto terão necessidade de espaços mais apropriados à reflexão.

  15. Confesso que, só lia blogs de amigos e, como a maioria, com assuntos específicos. Aliado ao programa de rádio -com chamadas – e com assuntos diversos, na minha opinião este blog está no caminho certo. Evitar textos com linguagem ortodoxa e agradáveis de ler, acho interessante.

  16. Carlos
    Respondendo a sua pergunta:
    Resumidamente;

    Para um piloto chegar até o comando de um, 747, 777, A330, 340, 380 ate um supersonico terá que possuir “algumas horinhas de vôo’ sentado na esquerda do cockpit

    Depois de ter sido devidamente habilitado checado, rechecado como:

    PP – piloto privado
    PC, IFR, MULTI – piloto comercial em aeronaves multimotores e por instrumentos
    PLA – piloto de linha aérea e dai para frente vão se somando horas de voo.
    Antes do piloto se tornar comandante e master de uma grande aeronave comercial, vai ter que sentar por um bom tempo como copila na direita do cockpit ao lado do comandante.
    Cada nova aeronave que o piloto irá voar terá que passar por um chec, rechecs, especializa-se fazer cursos, horas de voo, checagem em simuladores, teoricos, etc.

    Abraços
    Armando Italo

  17. Beto, penso que o Milton Jung está criando uma personalidae no Blog . Além das chamadas, o que une o rádio com a internet, e convenhamos são extremos entre o antigo e o novo, consegue coordenar muito bem toda a edição.Ao mesmo tempo está recrutando novos talentos, como o time feminino. Abigail,Dora, Rosana. Isto dá uma variedade interessante de assuntos e estilos.

  18. O futebol mineiro neste fim de semana vai provar um movimento surgido na internet.
    Os torcedores do Cruzeiro vão de flanelinhas ao Mineirão.
    Idéia surgida e desenvolvida na internet, para demonstrar que o Atlético ficou quase o campeonato todo ocupando uma vaga no topo da tabela de classificação para a Libertadores.
    E, no final deram o lugar para o Cruzeiro.
    Este arrebanhamento só poderia ser feito com a penetração da internet.
    Além de eternizar os antigos 15 minutos de fama, a internet serve também para mobilizar grandes massas.
    Uma dádiva, se for para o bem, uma lástima se for para o mal.

  19. Carlos
    Citarei um exemplo sobre a virtualidade.
    Num dos meus primeiros artigos que escrevi aqui no blog sobre a aviação virtual ainda no ano passado, procuro descrever como a internet, simukladores de voo, os games, jogos, podem interferir na vida do internauta.
    Seus Beneficios e maleficios.
    A muitos anos sou moderador em um forum pertencente a um portal voltado especificamente a aviação virtual e real
    A VATSIM
    Muitos jovens e até os mais velhos aficionados pela aviação real e virtual quando ingressam, fazem os seus registros, e nas suas primeiras postagens já é possível saber quais os seus reais interesses, tenções e objetivos.
    Para ingressar na aviação virtual basta ter somente instalado nos seus pcs simuladores de vôo.
    Iniciantes na aviação virtual, desconhecedores, os que ainda não “foram apresentados” consideram estes simuladores simplesmente como games.
    Ledo engano!
    Resumindo:
    Quando o “piloto virtual” está voando em uma aeronave pelos ceus virtuais, não presencia as sensações físicas como acontece em uma aeronave real.
    Mas todos os intrumentos na maiorias das aeronaves funcionam, simulam muito proximo a realidade, indicando proa, rumo, rota, motores, distancias percorriadas em aerovias em tempo real, até a força dos ventos, e por ai vai.
    Graças a estes fantásticos simuladores, não somente os da aviação, muitos jovens e ate os mais velhos acabaram ingressando na aviação real atuando no solo, em vôo, como controladores de trafego aéreo, tecnicos, etc.
    e não são poucos.
    Outros porém ainda são “meros jogadores”
    Ai meu caríssimo Carlos
    Dependerá de cada um somente.
    Dos seus reais objetivos, pretenções, intenções, vontade, iniciativa, da personalidade em fim.
    O mesmo acontece quem aprecia a engenharia, design, arquitetura e instala em seus pcs programas cad e tantos outros segmentos.
    Abraços
    Armando Italo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s