Pauta #cbnsp 05.04.2010

 

A prefeitura de São Paulo decide multar em mais R$ 1 milhão a Infraero por não atender normas ambientais no aeroporto de Congonhas como redução do horário dos vôos e de barulho nas operações. O secretário municipal do Verde e Meio Ambiente, Eduardo Jorge, estava no aeroporto para notificar a empresa. No entanto, a Infraero tem liminar que lhe protege da multa, neste momento. Ouça a entrevista de Eduardo Jorge, ao CBN SP

Saúde – Faltam médicos e o atendimento aos pacientes está prejudicado no Hospital Municipal Alíppio Correa Neto, em Ermelino Matarazzo, na zona leste de São Paulo. A constatação é da Comissão de Saúde da Câmara de Vereadores que esteve no local semana passada e considerou a situação “calamitosa”. No CBN SP, o tema foi discutido pelos vereadores Zelão (PT) e Adolfo Quintas (PSDB).

Congestionamento – Uma semana após a abertura de novas pistas na Marginal Tietê, São Paulo atinge mais de 100km de congestionamento nesta manhã chuvosa. A informação é da Mônica Pocker.

Profissionais invisíveis – Trabalhadores essenciais para que a cidade fique em ordem, mas que pouco são notados pelo cidadão. Estes personagens estão no centro da série de reportagens que vai ao nesta semana, produzidas por Luciana Marinho e Juliano Dip. O destaque desta segunda é para os varredores e coletores de lixo.

8 comentários sobre “Pauta #cbnsp 05.04.2010

  1. Há 28 anos que o estado de São Paulo é governado pelo P$DB e DEMO. O estado está inoperante e incompetente. Esses governos tem maioria na Assembléia Legislativa e Câmera Municipal e ainda assim nada de novo acontece em São Paulo. Também, com um governador como o Serra, que só sabe cortar…, quando ele era Ministro do Planejamento do FHC tivemos racionamento de energia elétrica durante 8 mêses… Chega dessa gente.

  2. Sobre essa multa, já que a InfraEro tem uma liminar é provável que a municipalidade tivesse conhecimento, então qual a intenção de emitir essa multa, neste momento ao invés de aguardar a derrubada da liminar e assim não desperdiçar os recursos públicos?

    Isso não teria uma conotação politico partidária? já que a infraero é orgão federal

  3. Vocês se lembram da esquecida DEMANDA REPRIMIDA?
    Quanto dinheiro jogado fora.

    E a soberania dos automóveis continua.
    Na ponte Cidade Jardim, no lado da Cidade Jardim demoliram várias casas para “melhorar” o trânsito na área. Derrubaram casas e árvores .

    Demanda repimida, cada vez mais deprimida.

  4. Carlos Magno,
    é a velha história do cobertor curto, cobre-se os pés, as orelhas ficam descobertas. Enfim, falta coragem ao poder público para investir pesado nos transportes de massa e penalizar o transporte individual.
    abraços

  5. Caro Milton Jung,
    O Dimenstein já tinha dito que a ampliação da Marginal Tietê seria um dos grandes erros do governo Serra e acertou em cheio.
    Os congestionamentos que se seguiram à conclusão da obra apenas confirmaram aquilo que várias especialistas já tinham antecipado, ou seja, que em curtíssimo período a ampliação da Marginal Tietê já não teria efeito nenhum para o trânsito da Capital.
    O que ninguém esperava era que o efeito nulo das novas pistas para o trânsito viesse em tempo tão curto assim, logo após a entrega da obra.
    Enfim, foi uma obra que só serviu para degradar ainda mais a várzea do Tietê na Capital, para acabar com as poucas áreas verdes que ainda restavam, para matar centenas de árvores adultas e para impermeabilizar ainda mais o entorno do rio, com toneladas e toneladas de asfalto, trazendo as enchentes de volta ao local, após anos.
    Quase dois bilhões de reais (dinheiro público jogado no lixo) utilizado para degradar ainda mais o Tietê (que deveria estar sendo despoluído) e asfaltá-lo da população paulistana, tão carente de áreas de lazer.
    Não dá para entender porque o governo do Estado não investiu esse dinheiro no trecho norte do Rodoanel, esse sim que poderia desafogar a Marginal Tietê, para quem sabe, no futuro, estarmos pensando em retirar as pistas da Marginal para a construção de parques lineares e de áreas de lazer às margens de um Rio Tietê acessível à população e totalmente despoluido.
    Sonho? Pode ser. Mas muitos países o fizeram em relação aos seus rios. Mas nós, paulistanos, caminhamos na contramão das tendências mundiais e derrubamos árvores, acabamos com áreas verdes e jogamos asfalto e cimento nas margens de nossos rios.

  6. O Lula disse em entrevista ao programa Canal livre:

    – Não me peçam, que pare de incentivar à venda de carros!
    – Acho que ainda tem muito brasileiro sem carro!

    Com essa mentalidade esse país será um estacionamento a céu aberto.

  7. Redução de IPI para vender mais automóveis, alargamento das pistas das marginais Tietê e Pinheiros todos bancados pelo Governo, e agora o tal do Pré Sal (Petróleo) para os carros tbém do Governo. Vcs acham que nossas autoridades estão preocupados em investir em transportes públicos? Claro que não. Tem que ter mais pistas para caber mais carros, vender petróleo e arrecadar com IPIs. Tem que dar a falsa impressão que o trâsnsito é bom para incentivar mais pessoas a comprarem carros. Só isso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s