O horizonte da moda masculina

 

Por Dora Estevam

Foi se o tempo em que os homens andavam todos iguais com calças, camisas, paletós e gravatas sem uma só dobrinha ou sinal de roupa amassada. Nos pés, então, nem se fala. Aqueles sapatos lustradíssimos com bico fino (tipo aqueles que o Maluf usava, também conhecidos por sapato pra matar barata nos cantos). Na paleta de cores, vermelho ou amarelo nem pensar.

Sem desvalorizar o que se passou, acredito que em matéria de vestimenta, hoje, a moda está muito mais funcional. Andar por ai com calças largas ou justas – sim, os homens também usam skinning – usar  calça saruel,  camisas e camisetas sobrepostas e pólos logadas. Nos pés a grande variedade de chinelos, sandálias, sapatos, tênis e botas.

Os mais clássicos aderiram as calças sociais com barras curtas, lenços echarpes e bolsas.

Nos acessórios não é diferente: viraram febre correntes de todas as espessuras, anéis nos mais variados formatos e desenhos – o mais cotado é o com desenho de caveira -, bonés e bermudas florais e xadrez, sem esquecer dos brincos, é claro.

Se avaliarmos os desfiles de moda masculina vamos encontrar na passarela verdadeiros concorrentes com os desfiles femininos. Não falta mais nada. Tem de tudo e para todos os gostos.

Nas ruas é que se vê toda esta transformação da moda homem.

E a moda foi tão longe que não tem mais aquele estilo “casual chic” calça caqui e camisa azul.

Separei  um trecho do final do desfile da Prada com as propostas para o verão 2011 – se eles usam os brasileiros se inspiram.

Um outro vídeo que eu gosto muito é do Ermanno Scervino. Ele mostrou uma coleção fresca e elegante, com tons de bege,  branco e caqui. Uma coleção bem versátil para qualquer tipo de homem. Destaque para as jaquetas estilo blazer.

É isso, estas são algumas das opções entre as novidades que você vai ver nesta temporada que promete.

Dora Estevam é jornalista e escreve sobre estilo e moda no Blog do Mílton Jung

10 comentários sobre “O horizonte da moda masculina

  1. Sempre é bom lembrar, que sair exatamente com uma destas produções exibidas nas grandes semanas de moda nos desfiles dos estilistas lançadores , é o mesmo que ir às ruas com carros de F1. Ainda mais quando os carros exigem pilotos, assim como estas produções de moda exigem modelos. Alguém se habilita?
    É pegar o conceito, sem preconceito, e respeitar o estilo pessoal.

  2. Continuo com bermuda, tenis / havaianas / camiseta em dias quentes
    Meia estação jeans, tenis, moleton.
    Continuo abominando ternos, gravata.
    Ademais
    Parabéns pelo artigo Dora!
    Armando Italo
    PS:
    Estou seriamente pensando em Candidatar-me a algum cargo politico, quem sabe se com a baita grana que receberei, poderei trocar “o meu armario embutido”.
    Bom negocio ser politico no Brasil heim!

  3. Brinca Carlos, a cada ano vocês homens não percebem mas vão aderindo a novos modelos. È uma camiseta com gola decote V, uma pólo com logos por todos os lados…Pensa bem..!! bjs

  4. Queridos, o Mílton então nem se fala…se o HB fizer um balanço das mudanças dele durante dez anos vai ver o que mudou…ele adora inovar. Sim ou não, Mílton?
    Bjs

  5. Mônica querida, é verdade, tenho observado muito a moda de rua, a mudança é visível, hoje para os homens e mulheres. Uma moda mais rápida, fácil, prática e principalmente mais barata. Bjs

  6. Êita carissima Dora
    Depois que disse que pretendia candidatar-me para algum cargo politico ja recebi mais de 500 e-mails de pessoas se candidatando como acessor, ou aspone.
    Falando em aspone, leiam o artigo sobre as disparidades gritantes de quem trabalha no Senado e um “trabalhador comum”
    http://www.blogdoaitalo.blogspot.com
    Uma vergonhe e uma tgremenda inversão de valores.
    Sem querer portanto desmerecer profissões.
    Se for verdade…………….. Jesus me abane!

  7. Mílton Jung sempre estou te escutando amigo. Admiro os profissionais dessa radio. Mas estou com um problema que não sei onde vai dar. Não vamos recuar desta encrenca.
    Estou colocando este recado em tudo oque posso na net.
    Não aceito o que aconteceu comigo e com ninguem.
    è uma questão de honra. Quero tua opinião.

    -Eu escuto a CBN todos os dias, considero uma equipe excelente de jornalismo. Porém nem CBN, nem ninguém nos responde nossos emails. Tratamos da dignidade na política. Meu nome foi falsificado no TRE, nome e endereço foi mudado etc etc. Quem poderá entrar na política para fazer oque é certo? Eu gostaria de encontrar jornalismo profissional neste país. É possível? Globo, Bandeirante, SBT, Record. Ninguém responde. Tenho provas dos fatos.
    Procuro um bom advogado.
    Visite este blog e dê sua opinião.
    Obrigado.
    Campolim

    http://dignidade-todos.blogspot.com/

Deixe uma resposta para Monica de Godoi Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s