O golpe do curso de graça

 

Alô ! Bom dia, senhor. Seu filho foi selecionado e ganhou um curso de graça de informática. Quantas vezes você recebeu telefonema com esta promessa? Algumas vez foi conferir? Um amigo, crédulo na sorte do filho menor, acaba de voltar da sede da escola e me conta que ouviu do atendente algo do tipo:

Havia 3 mil pessoas inscritas, foram escolhidas 150 que farão aula de iniciação. Desses nós escolheremos 20 pessoas para ganhar uma bolsa de 70% do curso completo. Já temos 16 nomes, faltam apenas quatro e seu filho pode ser um deles. Tem apenas de fazer um teste com 20 questões. Se acertar 10 tem direito a bolsa. O curso completo custa R$ 700 de inscrição, mais R$ 1.200 pelo material didático – com apostilas, livros e HQs -, e R$ 700 de mensalidades. Mas com a bolsa, o senhor está isento da inscrição e recebe o material didático. A mensalidade se for paga entre os dias 5 e 10 do mês ainda terá 30% de desconto.

A explicação, em alta velocidade, é acompanhada de anotações automáticas no papel. As soma e subtração feitas na ponta do lápis não batem na hora de puxar o traço. O curso de graça, atrativo do convite feito pelo telefone, a esta altura, foi deixado de lado. Se resumia a algumas aulas sem importância.

O golpe é antigo, aplicado desde os tempos dos cursinhos de datilografia (lembra?) e segue enganando as pessoas. Tão velho quanto, é o ditado que previne para este comportamento: quando a esmola é demais, o santo desconfia.

2 comentários sobre “O golpe do curso de graça

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s