Roupa íntima, sem medo de aparecer

 

Por Dora Estevam

 

 

É senso comum que as mulheres adoram comprar roupas, sapatos, acessórios, makes e muito mais coisas – e a maioria não esconde isso – mas ninguém sai por ai falando que comprou calcinhas e sutiãs, mesmo porque é algo bem pessoal. Nem por isso, nem por ficar escondida que não vamos nos preocupar com estas peças, certo.  Como diz a autora de “É tudo tão simples”, Danuza Leão, vai que você seja confundida com uma espiã no aeroporto internacional e tenha que tirar toda a roupa, como vai fazer se tiver com uma calcinha fio dental ou feia e rasgada ? Pensando nisso, separei algumas marcas de moda íntima, nacionais e conhecidas, fáceis de se encontrar, e anotei o que elas trazem de  mais novo para as estações de verão e já antecipando a próxima.

 

Vamos começar pela tradicional Darling que  colocou no mercado toda a coleção nova com peças lindas. Tem aquele estilo básico muito bom para trabalhar e tem os modelos mais atraentes para os momentos mais íntimos. Tudo na maior sofisticação que uma mulher merece. Pensando no alto verão brasileiro, as estilistas da marca fizeram uma coleção mais leve e vaporosa, fácil de perceber nos tecidos usados e nos materiais de acabamento, aliás, impecáveis.

 

A novidade desta estação também fica por conta das coleções Lace que traz peças mais amplas para atender todos os biótipos, e, a Lace Power que é uma linha exclusiva de sustentação. Ou seja, tem para todos os gostos. As cores são as mais comerciais possíveis, as que não denunciam uma mulher, as que deixam você tranqüila sem ter a preocupação de ficar se insinuando na hora errada. Vamos lá: branco, preto, avelã, maquiato, marine e mescla. Para ter um gostinho do que estou falando veja as fotos que separei para você, lá no alto e cá embaixo.

 

 

Outra opção de lingerie é a marca Puket, muito conhecida pelas suas peças irreverentes e confortáveis. Agora, também apresenta para o mercado a primeira linha Boutique, inspirada nas tendências de moda, para a coleção de inverno 2012. As estilistas criaram dois temas: Sunshine e Ballet. A Sunshine vem com um conceito sensual e ao mesmo descontraído, desenvolvida no tule estampado. As cores jovens como tons de rosa, verde água e marinho, nas estampas de poás e florais. Já para a linha Ballet a proposta foi baseada nos tons nude para dar fluidez nas peças.

 

Mas as novidades não param por ai, a primeira coleção do tema da Puket traz uma linha de coleção de lingerie moleton desenvolvida com elastano, com detalhes em tule e pespontos em rosa bebê, que adornam as peças. Imagina que graça! E para finalizar, mais para frente a marca vai distribuir nas lojas as calcinhas divertidas, criação que faz da grife a marca registrada. Modernidade e conforto unidos numa mesma peça. É  tudo o que você precisa.

 

 

Para quem gosta de ousar um pouco mais nas peças íntimas a dica é a coleção da loja Any Any, super referencia de moda lingerie no mercado nacional. A marca propõe para esta temporada coleções com peças únicas e exuberantes, se preparem! Toda a pesquisa entre tendência de moda e de tecidos gerou em uma coleção com três temas: Minimalismo; Boudoir e Retro.

 

A volta do minimalismo está presente nas peças com tecidos nobres, aliás muito importante a qualidade dos tecidos, com recortes ousados que se harmonizam com as cores neutras dos pijamas, camisolas e a linha de lingeries. Para o Boudoir a coleção foi pensada no conforto da mulher, a modelagem privilegia as formas femininas e não apertam o corpo. Tem coisa pior que roupa apertada? Aqui os tecidos leves como chifon, seda e mousseline permitem uma peça com franzidos e babados, e ainda com aplicações de renda, mais romântico impossível.  Nesta mesma linha romântica também foram trabalhados os algodões com estampas, sempre com aquele ar de inocente. Tudo muito urbano, para dia e noite. Você sabe que uma das tendências é usar calça de pijama misturada com camisetas e jaquetas e sair livremente por aí, com as peças da Any você vai arrasar no figurino.

 

Como a moda também está relembrando os anos 40 e 50 a linha Retro aparece com conjuntos clássicos revisitados pela marca. Ao mesmo tempo em que eles relembram a década também passam um ar de sedutor e ao mesmo tempo divertido, pois as cores verde bandeira, índigo, pink e azul estão presentes  nas peças que foram elaboradas nos tecidos nobres da coleção.

 

 

Dora Estevam é jornalista e escreve sobre moda e estilo de vida aos sábados, no Blog do Mílton Jung

Um comentário sobre “Roupa íntima, sem medo de aparecer

  1. A respeito do minimalismo a revista VOGUE traz chamada na capa sobre a antítese, ou seja, a tendência atual é o rebuscamento.
    Considero o minimalismo como um “lifestyle” e portanto acima das tendências.
    Provavelmente a Any Any está considerando da mesma maneira.
    Mesmo tendência, quem é minimalista com certeza não entrará no over, mesmo que esteja na moda .

    Com relação ao “underwear” percebe-se quase que uma unanimidade em focar sempre o apelo sexual .Além do aspecto pertinentemente levantado pela Danuza ainda há outro, que é o conforto. Normalmente preterido pelas coleções da grandes marcas.

    Este segmento começa agora a ser observado e haverá novidades focando em “homewear” . Vamos aguardar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s