Avalanche Tricolor: paciência, muita paciência!

 

Grêmio 0 x 1 Brasil de Pelotas
Gaúcho – Arena Grêmio

 

16318627099_bb3c31124e_z

 

Ganha uma, perde outra, ganha uma, perda outra …! Paciência! Assim será por algum tempo e enquanto estivermos em construção. No time, muitos jogadores novos e muitos novos jogadores. Alguns apesar de recém-chegados, estão apenas voltando. Há os velhos conhecidos, também. Essa mistura impõe tremendo desafio em um início de temporada. Especialmente, em uma temporada como esta na qual o Grêmio além de acertar a equipe em campo terá de acertar as contas no banco. Com essa receita, esportiva e financeira, não é possível esperar resultados extraordinários.

 

Verdade que eu esperava bem mais do que assistimos na noite de hoje, principalmente por estarmos jogando em casa. Mas, convenhamos, parece que o tal fator casa tem pesado muito pouco a nosso favor desde que nos mudamos para o Humaitá. Não que eu não goste do novo estádio, não! Nada disso. É um orgulho saber que aquela é a nossa nova casa. Apenas ainda não conseguimos criar um clima favorável, que impactasse o adversário – exceção a alguns raros momentos. Parece que os times vão jogar na Arena como se estivessem em campo neutro, mesmo com o grito forte da torcida no ouvido. Nos últimos dois jogos que fizemos em Porto Alegre, por exemplo, até as torcidas adversárias se motivaram a ocupar seu espaço. A impressão é de que todos se sentem confortáveis por lá. Conforto para os torcedores nas arquibancadas eu entendo e concordo, mas dentro de campo …!?

 

Hoje, vimos mais uma vez alguns ensaios de boas jogadas, uma ou outra iniciativa individual e raríssimas chances de gol. E se não as criarmos, teremos que contar com a sorte. Esta, porém, costuma estar do lado dos que mais acertam passes, jogam pelos flancos, se movimentam com velocidade e lutam incessantemente. Por enquanto, a luta da maioria dos nossos é com a bola e para se manter entre os titulares. E enquanto isso não mudar, será este ganha uma, perde outra, ganha uma, perde outra …! Paciência, muita paciência!

 


A foto deste post é do álbum oficial do Grêmio no Flickr

2 comentários sobre “Avalanche Tricolor: paciência, muita paciência!

  1. Estava preparado para escrever a resposta da Avalanche Tricolor do dia 11 de fevereiro tratando de uma vitória gremista sobre o time ancião do Brasil de Pelotas. Triste engano.como se viu. Não sou,normalmente,pessimista; Entendo que Romildo Bolzan está fazendo o que pode para segurar a barca,mas os malditos chineses (no sentido futebolístico,claro)já levaram dois dos nossos mais preciosos jogadores. Acabo de ler que o Reche fala na saída de Marcelo Grohë. Se isso se confirmar vou ficar mais puto da cara do que já estava. Ele não só é o melhor goleiro que o Grêmio tem:é o melhor do Brasil e este,si,não pode ser substituído. Seria o fim!!!

  2. Estava preparado para escrever a resposta da Avalanche Tricolor do dia 11 de fevereiro tratando de uma vitória gremista sobre o time ancião do Brasil de Pelotas. Triste engano.como se viu. Não sou,normalmente,pessimista; Entendo que Romildo Bolzan está fazendo o que pode para segurar a barca,mas os malditos chineses (no sentido futebolístico,claro)já levaram dois dos nossos mais preciosos jogadores. Acabo de ler que o Reche fala na saída de Marcelo Grohë. Se isso se confirmar vou ficar mais puto da cara do que já estava. Ele não só é o melhor goleiro que o Grêmio tem:é o melhor do Brasil e este,sim,não pode ser substituído. Seria o fim!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s