Conte Sua História de São Paulo: a razão da existência dessa cidade

Maurício Chagas

Ouvinte da CBN

Photo by Matheus Potsclam Barro on Pexels.com

Nasci nessa cidade no início dos anos dourados. Tempos de andar na rua com segurança, ceder lugar aos mais velhos, abrir porta para senhoras, dar bom dia, agradecer e se desculpar pelo engano. Época em que era honrada a palavra de honra, da garantia, da hombridade. Tal era o respeito, que as listas telefônicas eram publicadas por endereço e por assinante. 

Em tempos, moramos, meus pais e cinco irmãos, numa casa de quintal grande e muro baixo, na Alameda Gabriel, Jardim Paulistano. Conhecíamos os vizinhos mais próximos; e os nem tão próximos, sabíamos quem eram.

Lembro de ir sozinho a Galeria Prestes Maia comprar passes escolares da CMTC, isso com 10, 12 anos. Tudo tranquilo. Claro, tinham os problemas de então, mas eram menores, e resolvidos ou bem contornados.

Poucos tinham televisão e carro, que era artigo de luxo importado. Assim, o trânsito era ordenado e sem congestionamento. Muito usado era o bonde da Light que seguia pelo centro antigo. Na nossa rua, havia o trólebus, ônibus elétrico conectado por “suspensórios”, um par de hastes que virava e mexia, e se soltava dos fios nas curvas.

Garoto, após o almoço de domingo na casa dos avós no Itaim, ia com os primos às matinês dos cines da rua Augusta, assistir a Doris Day, Jerry Lewis, Chaplin, O Gordo e o Magro, Três Patetas, Marcelino e outros tantos.

Era pura e sadia diversão.

Há quinze anos deixei essa cidade. Outra cultura, outros costumes, outra lógica urbana. Daqui de longe, com saudades, pude avaliar o que é São Paulo, sem intentar definição. Seus problemas complexos, sua dinâmica, sua atividade frenética, seu vigor, sua vitalidade. Uma locomotiva!

Cada rua com uma história, um monumento, um fato, um nome a ser rememorado. A arquitetura variante registra épocas distintas. Gente que ama o mesmo bairro por gerações. Aquilo que chamam de caos é justamente a razão de viver do paulistano, razão da existência dessa cidade. 

Mauricio Chagas é personagem do Conte Sua História de São Paulo. A sonorização é do Cláudio Antonio. Escreva seu texto e envie para contesuahistoria@cbn.com.br. Para ouvir outros capítulos da nossa cidade, visite o meu blog miltonjung.com.br e o podcast do Conte Sua História de São Paulo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s