Conte Sua História de São Paulo 468: saudades do meu bairro de São João Clímaco

Djalma Bom

Ouvinte da CBN

Imagem do bairro de São João Clímaco, SP

Saudades da minha infância e juventude nas décadas de 1950 e 1960, no bairro de São João Clímaco, na zona sul de São Paulo. Foi lá, na estrada de  São João Clímaco com a estrada das Lágrimas, o meu segundo emprego: na fábrica de Fogos de Artifício Albanese.

Lembro da minha caixa de engraxar sapatos. Profissão que adotei  para receber alguns trocados e ajudar a família, no Bar do Antonio Costa, também ali na São João Clímaco.

Na época, nadava no rio dos Parentes, na divisa com São Caetano do Sul; frequentava a paróquia do bairro, aos domingos; e estudava no Grupo Escolar São João Clímaco – sim, lá tudo leva esse nome. Foi onde aprendi o ABC, em uma predinho de madeira, atrás da paróquia. Na escola tinha a nossa querida diretora Dona Maria José e zeladora Dona Leontina. Tenho boas lembranças delas.

Aos domingos, além da missa, havia matinê, no Cine Cristal e no Cine Seckler. À noite, era hora do fotting que acontecia na própria estrada de São João Clímaco com a Rua São Silvestre.

Fui dar meus primeiros passos na dança nos bailes do Floresta, no Flor do Pinhal e no Carnaval, no Alencar de Araripe.

O que hoje é a favela de Heliópolis, ontem foi a maior várzea de futebol amador da capital: Floresta, Flor de São João Clímaco, Copa Rio, Flor do Pinhal, Guarani, Alencar de Araripe, Milionários, Sacomã, Flamenguinho e a Portuguesinha. Grandes craques foram revelados nessa várzea: Geraldo Scotto e Celso, do Palmeiras; Mosca e Rodelão, do Corinthians; Zé Luís da Ferroviária de Araraquara. O auge era o jogo de futebol de confraternização no fim do ano.

Quanta saudade do meu bairro de São João Clímaco.

Djalma Bom é personagem do Conte Sua História de São Paulo. A sonorização é do Cláudio Antonio. Você ainda pode participar das comemorações dos 468 anos da nossa cidade. Envie seu texto para contesuahistoria@cbn.com.br. Para ouvir outros capítulos, visite o meu blog miltonjung.com.br ou o podcast do Conte Sua História de São Paulo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s