Divórcio

 


Por Abigail Costa

Entre mãe e filha a conversa era sobre o casamento mal sucedido da pequena. O filme mostrava uma história que se passava em décadas dos “entas”.

Com mais experiência a cinquentona dizia:

“É preciso sabedoria pra manter um casamento; a rotina, dias mais pesados…. é preciso fazer vistas grossas a traição do marido”

“Mas e a minha felicidade mamãe”, implorava a coitada aos prantos.

Com a voz embargada pelas lágrimas tomou coragem e largou: “Quero o divórcio!”

“Nem pense nisso – a voz da mãe soou mais alto – você ficará marcada”.

Nos anos de mil-novecentos-e-alguma-coisa, ser divorciada era coisa de mulher que não prestava. Pelo menos isso ficou bem claro no filme.

Convivendo com amigas que passaram pelo outro lado do casamento, me pego pensando no assunto. Quanto mais pergunto mais fico impressionada com a coragem dessas mulheres.

Não pela coragem de deixar uma vida confortável de contas pagas e viagens programadas com direito a presentes inusitados.

Coragem de reconhecer que a felicidade acabou. De não se contentar com a vida cheia de surpresas, mas vazia de sentimento.

Mulheres que querem muito mais do que reconhecimento no estado civil.

Deve e é difícil olhar no olho do outro e dizer: não te amo mais, quero me separar de você.

Imagine não saber a reação do parceiro.

Claro que até pode acontecer de um belo dia alguém acordar e ter vontade de ficar só, sair de casa e não voltar mais.

O normal, eu penso, é a relação ir escorregando por entre os dedos, feito xampu mal posicionado na mão.

Mesmo assim, há de se pesar os anos vividos, a vida confortável, os filhos e a tal sociedade.

Perguntei sobre isso. O troco foi ótimo.

“Sociedade quer dizer os outros, é isso? Os outros vão ficar como estão, cuidando de suas vidas. A opinião deles não me conforta a ponto de voltar no tempo, àquela felicidade que existiu.

Me alegra a coragem. Mais ainda quando esta é em nome da felicidade.

Abigail Costa é jornalista e escreve no Blog do Mílton Jung


2 comentários sobre “Divórcio

  1. Ola Abgail

    O que acontece com alguns casais depois que casam?
    Quando namoram ainda jovens, cheios de amor e tesão para dar e receber.
    Muitos planos, muitas ideias a serem postas em pratica, muitos sonhos, perspectivas infinitas.
    Ficam noivos, casam.
    Para alguns ainda recém casados tem filhos.
    Ai começam as novas responsabilidades, novos valores perante a vida, novos objetivos,novos desafios, novas e incontaveis provações, mais despesas, mais compromissos, mais responsabilidades.
    Muitos casais, estas por sinal não foram consideradas quando namorados, noivos(ainda usa noivar?).
    E chega num ponto onde se deparam com tantas e tantas pressões proprias da vida que ambos acabam se cansando, Da vida a dois, a três, a quatro, das responsabilidades, dos compromissos proprio de casais casados, ajuntados, amigados.
    Não importa!
    Que existem, existem e não é possível fugir dêles. e delas.
    Pronto!
    Para os casais considerados como “imaturos”, mais despreparados, que não foram criados com a flor e com o chicote, equivocadamente imaginavam que a vida era somente um mar de flores, de ventos calmos, tesão, cama, viagens constantes, consumismo, paparicados, mimados por suas familias certamente para restes o casamento estará correndo o risco de acabar.
    Nada como manter um bom dialogo franco e aberto.
    Porque depois não tem retorno.
    E se tiver poderá ser diferente para pior.
    Abraços
    Armando Italo

  2. É isso mesmo.

    Quem vive em função da tal sociedade, está fadado a infelicidade porque sempre vai existir alguém que discorda de você e não tem pudor algum em apontar o dedo.

    É preciso mesmo coragem. Presenciei muita amiga e amigo meus que tomaram essa atitude e nunca é fácil.

    Não vamos deixar que os outros piorem o que já é difícil.

    bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s