A festa em fotos do CBN SP nos 457 anos da cidade

Público do CBN SP

Casa cheia, convidados interessantes e conversa de boa qualidade fizeram a festa de aniversário da cidade de São Paulo, no Pátio do Colégio, promovida pelo CBN SP, nessa terça-feira. Com destaque para o tema “livro e literatura”, o encontro reuniu agitadores culturais; de escritores a músicos; de livreiros a poetas. E se encerrou com uma nova biblioteca para os meninos e meninas da Associação Esportiva Da Doze, do parque Dorotéia, no extremo sul da capital paulista.

O chorinho do Retratos

Retratos, grupo musical que venera o chorinho, transformou os ouvintes que estiveram no Pátio em um coral que cantou músicas identificadas com a cidade e o Brasil como em Carinhoso, de Pixinguinha.

Zé Geraldo emociona

Zé Geraldo emocionou e levou pessoas às lágrimas com músicas que marcaram sua carreira artística. Não se limitou a cantar, contou histórias, também, e lembrou de quanto esteve em São Paulo ainda jovem ajudando na construção do Minhocão e outras obras da cidade.

Godoy e Herz no CBN SP

Na sala de estar, montada para receber os convidados, todos pareciam à vontade para falar sobre a importância do livro na nossa vida. Pedro Herz, da Livraria Cultura, Sérgio Vaz, da Cooperifa, José Godoy, do Fim de Expediente, e José Luiz Goldfarb, da campanha Doe um Livro alertaram para a necessidade de se entender a leitura como prática de lazer e sabedoria.

Sérgio Vaz, o poeta

Herz logo no início convidou os pais a lerem, pois assim contaminam seus filhos. Godoy sugeriu que a ‘leitura obrigatória’ na sala de aula busque autores mais atraentes aos jovens. Vaz levou como exemplo o Sarau da Cooperifa que reúne centenas de pessoas todas as quartas à noite na periferia de São Paulo.

Luiz Goldfarb do Doe um Livro

Goldfarb, de fala entusiasmada, apresentou Felipe, menino de 6 anos, que mexeu com os colegas da escola dele em Santo André e conseguiu reunir 100 livros para a campanha que tem ajudado a construir bibliotecas pelo País.

Felipe, o menino do livro

Enquanto tudo se desenrolava diante de um número impressionante de pessoas que foram assistir ao programa, ao vivo, a turma do Museu da Pessoa gravava depoimentos de ouvintes para o Conte Sua História de São Paulo, em um espaço reservado do Pátio.

O bom papo após o CBNS

Integrantes do Adote um Vereador estavam lá, também. E saíram com o apoio de ao menos mais dois colaboradores que gostaram da ideia de passar a controlar, monitorar e fiscalizar os parlamentares de São Paulo. Um professor se comprometeu a mobilizar seus alunos no projeto. Sejam bem-vindos.

Eu, como sempre, falei demais, mas me diverti muito com as conversas durante e após o programa. Deixei o Pátio apenas uma hora e meia depois do encerramento, período em que tive o prazer de receber sugestões, agradecer a presença de todos e ganhar um espetáculo à parte com um “Mário de Andrade” que baixou em um dos convivas.

Campanha Doe um Livro

Nada me agradou mais, porém, do que a mesa do Doe um Livro lotada de material levado por gente comum, gente graúda, uma gente muito boa e pronta para colaborar e comemorar o aniversário da nossa cidade.

Todas as fotos deste post e o álbum com imagens da festa (que você vê aqui) foram feitas por Massao Uehara

7 comentários sobre “A festa em fotos do CBN SP nos 457 anos da cidade

  1. Lindíssima festa, Milton!

    De minha casa, perto da praça Roosevelt, cheguei em menos de 15 minutos ao cenário do CBN SP especial, passsando por uma São Paulo que só mesmo em dia de festa dá para contemplar assim…. Sé, Anhangabaú… a folga que os carros nos dão aos feriados… é toda uma outra cidade, ensolarada, abandonada e viva, ao mesmo tempo. Ou, como os versos de Tom Zé, pichados nos tapumes da reforma da Roosevelt: “São Paulo, meu amor, São Paulo, quanta dor!”.

    No passeio de volta, lembrei de um livro que estava guardado em algum lugar bem empoeirado da minha memória… “Anarquistas Graças a Deus”, de Zélia Gattai, que ganhei de minha mãe quando tinha 10 anos. Livro de memórias de sua infância e de uma São Paulo que nunca conheci…. e que me fez compreender, desde criança, que certas coisas eu nunca poderia ver (como a São Paulo da infância de Zélia), mas, tendo lido com a alma, ficariam para sempre em mim!

    Parabéns pelo programa e pelas iniciativas de promoção da leitura… espero que, além dos indivíduos bem intencionados, o estímulo recaia também sobre o poder público, que tem a obrigação de criar tantos mais equipamentos culturais quanto São Paulo precisa.

    Abraços,
    Fernanda

  2. Infelizmente não deu para comparecer e prestigiar o programa e a festa no Pateo do Colégio
    E também fico frustrado por não poder ter pego autografos das personalidades presentes.
    Milton Jung, Alecyr, Claudio Vieira, Massao.
    Mas em quanto trabalhava ouvia a CBN.
    Fica para proxima amigos.
    Abração
    Armando Italo

  3. Fiquei muito feliz em comemorar os 457 anos de São Paulo com a rádio CBN. Parabéns pela iniciativa!

    Não poderia deixar de dizer que a doação foi mais do que satisfatória, pois haviam mais livros do que previstos; uma imensa alegria que invadiu todos os corações ali presentes.

    Postei no meu blog a foto que tiramos após a festa http://carolinenatalia.wordpress.com/2011/01/26/campanha-doe-um-livro-com-a-cbn-comemoracao-dos-457-anos-de-sao-paulo/

    Abraços,

    Carol.

  4. eeeeeeeeeee
    é pic…é pic…

    Parabéns S.Paulo !!! De presente você levará do prefeito da cidade um reajuste nas passagens de ônibus que será o DOBRO do IPCA do período !!!! Parabéns !!! eeeeeeeeeeeeeee…..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s