Foto-ouvinte: Rotatória improvisada reduz acidentes

 

 

Rotarória de pneus

Por Marcos Paulo Dias
Colaborador do Blog

Fui surpreendido ao passar no cruzamento das ruas Dr. José Ferreira Crespo e José de Aguiar no Jardim São Vicente – São Miguel Paulista, zona leste – por uma rotatória improvisada com pneus velhos, alguns comprados outros doados. A ação  partiu de moradores devido ao alto índice de acidentes ocorridos neste cruzamento e a falta de ação do  poder público.

Fui até lá  conversar com os  construtores-moradores.

Marcos Rogério disse que “no local já houve até capotamento  e vários acidentes envolvendo motos e veículos, inclusive de transporte de passageiros”. É a segunda rotatória que constróem. A primeira, a CET  retirou.

José Aurino Soares falou que está cansado de ver  tantos acidentes na porta de casa, um deles chegou  a derrubar  o portão e mostrou os sinas na árvore que também foi diversas vezes atingida.

Marcelo Macedo contou que se não fosse o “orelhão” um carro teria invadido seu comércio. Comentou, também, que a construção da rotatória de pneus reduziu o número de acidentes. O amigo dele Francisco Dias, um dos idealizadores, disse estar preocupado pela falta de sinalização e fiscalização: “é  preciso ser feito algo urgente , pois  há grande fluxo de veículos , já registraramos  vários protocolos , mas até agora não fomos  atendidos”.

Em um desses protocolos, que tenho em mãos, registrado por Marcelo Fernando Macedo (CE DAM 7855/09/10  PS 00.25.16523/10-60- REf. C5867899), a resposta é para que os moradores aguardem oportunamente os resultados da análise e um posicionamento sobre a questão. Quem assina é Enso Egídio Simoni do Departamento de Atendimento ao Munícipe – DAM.
 
No local,  é grande a  circulação de veículos e pedestres, sem contar que a menos de 50 metros existe uma escola pública.

16 comentários sobre “Foto-ouvinte: Rotatória improvisada reduz acidentes

  1. Muito boa a idéia, chego até a pensar em convidar os meus vizinhos aqui na divisa entre São Caetano e Santo André, a Lions Club, que também tem um cruzamento muito perigoso.

  2. CET demora meses p/ atender essas demandas… Talvez burocracia interna… Não querendo fazer propaganda, mas trouxe um equipamento que agiliza o processo MUITO rápido. Em UMA HORA 3 COLABORADORES faço 30 metros. Em Outra HORA preenchemos com CONCRETO. Sabe em quanto tempo uma empreiteira “contratada” demoraria para fazer isso ? QUATRO DIAS… Infelizmente é assim que nosso “Custo Brasil” não evolui… Veja do que se trata aqui: http://guiasdecor.com/prefeituras/

    Saudações e Sucesso !

  3. Tenho protocolos pendentes desde 2006, varios de situacoes gritantes, com acidentes e atropelamentos frequentes, sem NENHUM atendimento. Tentei recorrer até ao Ministério Publico, sem sucesso.

  4. Parabéns, Marco Paulo,

    olhar atento, câmera alerta e vontade coletiva!
    É o que leva para a frente.

    Na realidade nem esses pneus seriam necessários se a consciência de cada um estivesse desperta, se o sangue não estivesse diluído pelo álcool, pela raiva incontida e pelo descaso deslavado.

    Não há protocolo, ação de poder público, fiscalização ou obras que resolvam e curem nossa Sociedade do Eu Primeiro!

    beijo,
    ml

  5. Quando se fazem solicitações à CET para aumentar a segurança de motoristas, eles analisam as estatísticas de acidentes. Se os acidentes não acontecem em quantidade que eles considerem suficiente para justificar uma alteração no viário, não implementam. É possível que muitos acidentes nesse local não sejam registrados em ocorrências, deixando a estatística “baixa” para os padrões da CET, como também é possível que a quantidade de acidentes real não comova alguns “tecnocratas” da CET, que olham apenas para os números e não vêem neles motivo para construir uma rotatória.

    Quando se fazem solicitações à CET para alterações no viário para aumentar a segurança de PEDESTRES, como instalar um semáforo, a situação é estarrecedora. Esses mesmos tecnocratas olham para as estatísticas de mortes de pedestres no local: se não morre gente o suficiente para justificar um sinal de pedestres, ele não será implantado, para não atrapalhar o fluxo dos automóveis. Claro, porque o que são algumas vidas por ano em nome da fluidez, não é mesmo?

    Como disse uma vez o ex-“dono” das ruas de São Paulo:

    “Há medidas para ampliar a segurança, mas não implantamos pois prejudicam o trânsito.” – Alexandre de Moraes, no evento “Circulação e trânsito”, em 31/03/2009 – http://j.mp/9XUnJi

    Alguém duvida que essa regra de ouro ainda é válida na CET até hoje?

  6. Quero parabenizar o Marcos e o Milton por este espaço, eles estão cuidado da nossa cidade, precisamos de mais pessoas como eles, pois os que deveriam cuidar nao o fazem.
    Parabens Marcos Paulo, sou morador da região e isso é um fato muito importante.

    Norberto Póvoa

  7. De fato o Marcos tem razão pois moro na região tambem e aconteceu um acidente comigo á menos de 1 mes, quando o veiculo que eu estava colidiu com outro, sem vitimas mas com danos materiais. Se houvesse uma sinalização correta no local o acidente com certeza não teria ocorrido. Obrigado Marcos pela iniciativa .

  8. parabens marcos paulo por ser ao meio de comunicação para alertarmos as autoridades o descaso que estamos enfrentando para conseguir uma rotatoria pois isso nao é serviço nosso e fizemos ,2 meses sem acidentes e agora ao invez de tirarem e fazer outra a sub prefeitura tirou e nao resolveu tal problema.

  9. Parabéns aos moradores que improvisaram a rotatória, algo que o poder público deveria fazer, mas finge que não vê.

    Somente assim os motoristas imprudentes diminuem a velocidade para cruzar a rua, sem essa rotatória, cada motorista acha que está na preferencial, pois no local não tem placas e nenhum sinal avisando do perigo do cruzamento.

    Deveria ter também faixa de pedestres.

    A CET adora multar, mas quando é preciso fazer essas coisas, eles fingem que não ouvem.

  10. Foi feita a manifestação para alertar as autoridade sobre os
    acidentes ali ocorrido. Incluisive uma faixa de aproximadamente 4 metros de comprimento, que não saiu na foto. Foram inúmeros os elogios. Mas, infelizmente na manhã de quarta-feira vieram os funcionários da SubPrefeitura de São Miguel Paulista, com o apoio da G.C.M. retiraram todos os pneus, e deixaram o cruzamento a Deus dará. Parabens pela reportagem.

  11. Fiz um pedido igual, amparado por abaixo-assinado dos moradores de minha rua, em janeiro/fevereiro de 2010, à Subprefeito da Vila Prudente, bem como a solicitação de um semáforo de pedestres para a travessia de pais e alunos do Colégio São Miguel Arcanjo. Até hoje nada foi feito e por mais que eu cobre, com inúmeros emails, as providências, não há resposta, nem por parte da Subprefeitura e nem por parte da CET. Vão esperar morrer mãe e filhos para que instalem o equipamento de segurança. Lamentável o descaso do Poder Público com a vida da população!

  12. Milton, a “burrocracia” emperra a evolução do Brasil. Esses são fatos que eu vejo que mais atrapalham os brasileiros. Nós não podemos fazer nada sem a ajuda do governo. Só no Brasil acontece isso. Em outros países não existe esse tipo de burocracia para conseguir melhorias para reivindicações do cidadão. Aqui no Brasil você tem que enviar uma carta para o prefeito, para que se faça alguma coisa ou reivindicar através da mídia ( rádio ou televisão) para que o governo tome uma decisão, simplesmente porque a comunidade é a que mais sabe sobre seus problemas. A burocracia é que é responsável pelos maiores problemas do Brasil como a corrupção e acidentes graves. Veja o caso do da queda do avião da Tam no aeroporto de congonhas, onde um especialista já havia reportado o problema muito tempo antes. Ninguém escutou o especialista e aconteceu o acidente. Tudo isso poderia ser evitado se não houvesse burocracia! Eu vivi na Irlanda do sul, e lá qualquer coisa que tenha algum tipo de reclamação é logo checada e as partes envolvidas são logo acionadas e o pronto atendimento, sem precisar de enviar cartas para governadores, prefeitos e deputados. No Brasil é assim, veja o caso de empresas como a MTA que resolve tentar apressar suas reivindicação usando tráfico de influências, em outro país a empresa não precisaria usar tráfico de influências para conseguir alguma coisa. Aqui no Brasil todos vivemos as custas do governo, até empresas privadas! Nós Brasileiros vivemos engessados pela burocracia, como por exemplo o caso dos selos da controlar, que nos torna até vitimas de roubo por uma falta de visão de um governo atrasado como da prefeitura de São Paulo. Sabe Milton, os governos nos transformam como transgressores das leis, e a burocracia impera. Vai chegar a época que teremos que andar com recibos e mais recibos demonstrando nossa cidadania.
    Eu adoro a democracia americana, não existe burocracia, todos são iguais perante a constituição que dita as leis do país, a constituição americana é generalista, ela abrange todos os americanos e ela é simples, não é igual as leis no Brasil que são redigidas com palavras em duplo sentido. O governo nos trata como um filho que não pode fazer nada, não pode experimentar pra ver se vai dar certo! A burocracia emperra a sociedade! Por quê não confiar nas pessoas? Por quê temos que viver pensando: “será que estou fazendo certo?”

  13. Parabéns !!!excelente reportagem, um verdadeiro jornalismo social, cidadão, uma prestação de serviço à comunidade !!!! parabéns também aos cidadãos que tentaram através da rotatória "de pneus" evitar um acidente ou dano maior , isto é cidadania . Como cidadã espero que o poder público atenda a solicitação dos moradores.

    Simone,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s